NELSON RODRIGUES E PELÉ

O jovem Pelé (clicar na imagem)

O jovem Pelé (clicar na imagem)

Meus amigos, minhas amigas,

Está oficialmente aberta a temporada futebolística no Brasil. A Copa das Confederações vem aí, em sua nona edição quadrienal, entre 15 e 30 de junho. Terá a participação das seleções de oito países, incluindo quatro campeãs mundiais: Brasil, Espanha, Itália e Uruguai. Vamos ver grandes figuras em campo, a começar por Lionel Messi e acabando pelo nosso Neimar, que precisa mostrar finalmente todo seu potencial na seleção canarinho. Essa tal de canarinho, idem, já que anda devendo uma barbaridade.

E por falar em futebol e em super-craques, a figura do Rei Pelé continua vindo sempre à baila. O maior de todos os tempos? Menos, é claro, para os argentinos de Maradona. Mas o que proponho agora aos meus parcos porém fiéis leitores deste Quincasblog, é a leitura de uma deliciosa crônica de Nelson Rodrigues – a primeira sobre Pelé – datada de fevereiro de 1958, ou seja, quase seis meses antes da Copa do Mundo na Suécia, que o consagrou para sempre. Vejam o acerto incrível desse vaticínio!  

 

O jovem Pelé

O jovem Pelé

Anúncios

7 Comentários

Arquivado em CRONICAS DO QUOTIDIANO

7 Respostas para “NELSON RODRIGUES E PELÉ

  1. Caríssimo Lauro Moreira,
    esta crônica, que eu não conhecia é uma prova incontestável do talento do Nelson Rodrigues, tanto quanto o de Pelé: incrível como ele vê, antecipa e descreve o que seria o Pelé no futuro.

  2. Fernando Cupertino

    Formidável, meu caro Lauro! Como sempre, o seu blog nos presenteia com novidades realmente interessantes… Abraço!

  3. O Palácio Capanema, sede do Ministério da Educação e Saúde Pública no rio, é o primeiro edifício construido durante a segunda grande guerra, dentro dos novos cânones da arquitetura moderna, é moderno até hoje, porque era e continua bom, correto. genial. Assim Nelson e Pelé.

  4. Mon cher Lauro,

    Après ce que je viens de lire, je ne vais pas essayer de jouer les imposteurs en t’écrivant dans la langue de Camões, que je sais à peine balbutier. Je tiens à t’exprimer toute mon admiration pour ta culture, ton talent d’écrivain, ton amour de ton pays, de sa langue et de son Histoire. Ton blog m’aide à mieux comprendre le Brésil et les Brésiliens, de même que l’importance de la diversité culturelle et de la culture tout court.

    Plusieurs m’ont parlé du brillant discours que tu as prononcé, en avril dernier, dans le cadre du 4ième Symposium international de la COLUFRAS (Conferência Luso-Francófona da Saúde), qui s’est tenu à Praia, au Cap-Vert. Je n’ai pas encore eu la chance d’écouter ton exposé, mais on m’a dit qu’il a été gravé et qu’on me fera parvenir. Le président de la COLUFRAS, le prof. Rémy Trudel, fut très impressionné par l’originalité et la profondeur de tes propos sur la diversité culturelle. Ton message est important pour nous, qui œuvrons dans le secteur de la santé, parce que tu nous démontres que les systèmes de santé sont le reflet de la culture de chaque peuple. Nous voudrons que tu continues à nous accompagner dans notre démarche “culturelle” et notamment dans notre croisade en faveur de la promotion du portugais et du français dans les communications et les événements internationaux de monde de la santé.

    Bien amicalement,

    Normand Asselin, vice-président aux affaires internationales de la COLUFRAS, Montréal

    • Mon Cher Normand,

      Seus comentários generosos me deixam muito feliz, sobretudo por ver que, em última instância, uma pessoa com sua cultura e sensibilidade se sente enriquecida por esses escritos despretenciosos. Uma afirmação como esta: “Ton blog m’aide à mieux comprendre le Brésil et les Brésiliens, de même que l’importance de la diversité culturelle et de la culture tout court”, representa para mim, além de tudo, um grande estímulo intelectual.

      Com relação ao encontro de Cabo Verde, só lamentei muito a sua impossibilidade de comparecer, pois foi uma bela reunião, com resultados muito concretos para os objetivos da COLUFRAS. Fiquei contente também por ter podido contribuir de algum modo para que isso acontecesse.

      Bien amicalement.

  5. Pingback: Um convidado especial – Apresentado pelo Embaixador Lauro Moreira

  6. Pingback: Sempre Clarice – De Lauro Moreira – Embaixador Brasileiro

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s